Vereador Miquinha , solicita cursos de Tapotagem emergencial aos profissionais de educação na rede pública de Parauapebas

0

Na última terça feira, (14), o vereador Miquinha , solicita cursos de Tapotagem emergencial aos profissionais de educação na rede pública de Parauapebas, através da indicação de nº 272/2022.

Visando garantir o bem-estar e qualidade de vida à alunos da rede municipal de ensino, o parlamentar encaminhou para administração municipal, a adoção da seguinte medida política administrativa de interesse da comunidade: promover cursos de Tapotagem Emergencial – ( Percussão Fisioterapia Respiratória), gratuito para os educadores do município.

A “Tapotagem” é um método de percussão que consiste na aplicação rítmica das duas mãos em forma de concha, o procedimento deve ser realizado no tórax, lateral e nas costas, com a finalidade emergencial de promover o movimento, deslocamento e remoção das secreções nos pulmões e facilitar à eliminação pelo organismo, de substância e material que esteja obstruindo a via respiratória.

Essa iniciativa intenciona promover o atendimento de emergência à crianças vítimas de engasgo, ocasionado por obstrução respiratória, seja por afogamentos por alimentos sólidos ou líquidos e/ou engasgamento com brinquedos e outros objetos. Essa capacitação visa as instituições públicas prestar os primeiros socorros, quando necessário.”

A intenção é que os educadores saibam como agir em uma eventual emergência, o curso de tapotagem será muito importante, pois, visa ações acessíveis simplificadas a serem realizadas em frente a uma situação de socorro, em que os educadores poderão salvar vidas, já que muitas crianças frequentam diariamente nossas escolas desde a creche, sendo imprescindível”, ressalta Miquinha.”

A capacitação desses cursos à todos os servidores da educação municipal, é de extrema relevância, para garantir o bem- estar dos nossos alunos, assim, ministrados os cursos, se ocorrer algum infortúnio desta natureza com bebês, crianças, adolescentes e qual quer outras faixas etárias, os profissionais da educação estarão preparados para o socorro emergencial, e poderá salvar vidas, através da tapotagem”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.