Romu prende foragido da justiça em Parauapebas

0

Na segunda-feira, 19 de junho, a Romu (Rondas Ostensivas Municipais) da Guarda Municipal de Parauapebas efetuou a prisão de Ítalo Campos Ferreira no bairro Altamira. Ferreira estava com três mandados de prisão em aberto, relacionados ao crime de homicídio. Ele é apontado como o autor da morte de Thwys Kelvin Silva Oliveira, um jovem de 18 anos, ocorrida em 15 de junho de 2022.

No dia do crime, Thwys Kelvin foi vítima de um assassinato a tiros quando retornava para casa, localizada na Rua Presidente Costa e Silva, no bairro Altamira. Após os disparos, ele foi prontamente levado a um hospital particular, mas infelizmente faleceu pouco depois de dar entrada na instituição. O jovem havia retornado a Parauapebas há uma semana para cuidar de sua mãe, que estava doente, após passar cerca de um ano fora da cidade.

Segundo informações, Thwys Kelvin saiu de sua residência de bicicleta na companhia de amigos para assistir a uma partida de futebol no Estádio Rosenão, situado no bairro Liberdade. Ao retornar, enquanto chegava em sua casa, indivíduos que estavam em um veículo branco efetuaram sete disparos contra ele, sendo atingido fatalmente por cinco deles.

Além de Ítalo Campos Ferreira, outros envolvidos no crime já foram presos anteriormente, como resultado das investigações em andamento.

As investigações sobre o caso seguem em andamento para esclarecer todos os detalhes relacionados ao homicídio de Thwys Kelvin Silva Oliveira e garantir que todos os envolvidos sejam responsabilizados conforme a lei.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.