Polícia Civil de Marabá e Belém estarão em Parauapebas dando apoio na investigação de chacina que matou cincos jovens

0

Durante a tarde desta quinta-feira, 16, o diretor da 20ª seccional urbana de Polícia Civil, delegado Élcio Fidélis de Deus, anunciou a chegada de equipes policiais da divisão de homicídios de Marabá e Belém. Segundo o delegado, esse reforço policial trabalhará incansavelmente juntamente com policiais de Parauapebas para dar uma resposta à altura em relação a série de homicídios que aconteceram neste mês de setembro no munícipio.

De acordo com o delegado, essas equipes estarão dando apoio nas investigações da chacina que matou Thawanne Dias de Jesus, 22 anos, Antônio Carlos Chaves Souza, Felipe Silva de Carvalho, Jefferson Santos de Andrade e Marcos Antônio de Oliveira Andrade, ambos estavam desaparecidos desde de segunda-feira, 13, e, foram encontrados mortos na última quarta-feira,15, no Bairro Vila Nova.

Questionado se as vítimas seriam integrantes de facções criminosas, Élcio de Deus disse que a polícia está realizando o levantamento desses dados.

Élcio de Deus disse que, quando soube dos crimes, estava reunido com os órgãos de segurança pública do município e Estado, tratando sobre o alto índice de violência que a guerra entre facções está causando.

O delegado detalhou ainda que, as investigações estão super avançadas, uma vez que a polícia já tem a identificação de possíveis envolvidos no massacre.

Em relação ao veículo que estava os jovens, o delegado contou que já foi feito a verificação das vias que o automóvel percorreu através das câmeras de monitoramento do Centro de Controle Operacional (CCO).

Diversas diligencias foram feitas e testemunhas foram ouvidas, porém até o fechamento desta matéria ninguém havia sido preso.

(Pebas Noticias)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.