PARAUAPEBAS: Sapateiro que matou morador de rua é condenado a 12 anos de reclusão

0

Após denúncia oferecida pelo Ministério Público do do Pará (MPPA), o corpo de jurados condenou o réu Antonio Roseno Ribeiro pelo crime de homicídio qualificado. A sessão do Tribunal do Júri ocorreu nesta terça-feira (9) e a pena aplicada foi de 12 anos de reclusão, sem direito a recorrer em liberdade. O caso ocorreu em abril de 2021, quando o réu utilizou uma faca para assassinar um morador de rua por motivo fútil. Pelo MPPA atuou no júri o promotor de Justiça Danyllo Pompeu Colares.

De acordo com a denúncia, o autor do delito foi encontrado ainda no local do crime, ocasião em que confessou o ato, sendo encaminhado à Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis. Após realizadas algumas verificações, foi constatado que a vítima não possuía documentos de identificação, sendo conhecido apenas por apelidos.

Testemunhas relataram que Antonio se incomodava com a presença da vítima nos arredores das vizinhanças e por tal motivo teria ceifado a vida da vítima sem o menor pudor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.