Nova parabólica digital permite que usuários tenham acesso a canais locais na Grande Belém

0

Famílias beneficiárias de programas sociais que assistem TV via antena parabólica tradicional têm direito ao novo equipamento instalado gratuitamente

A mudança da tecnologia de transmissão do sinal dos canais abertos de TV para parabólicas tradicionais (Banda C) para a novas parabólicas digitais (Banda Ku) já é realidade em Belém, Ananindeua, Santa Izabel do Pará, Castanhal, Santa Bárbara do Pará, Marituba e Benevides. Além de proporcionar uma melhora da qualidade de imagem e de som, a população que assiste TV via satélite passa a ter outra grande vantagem: o acesso a mais canais, entre nacionais e locais, e até mesmo a estações de rádio.

Quem assiste aos canais abertos de TV pela antena espinha de peixe ou antena digital interna, está acostumado a assistir às notícias e programas da região, mas muitos não sabem que os espectadores que assistem à televisão pela parabólica recebem o sinal da rede, como é chamado. O que significa que, na maior parte dos casos, os programas são somente aqueles nacionais, deixando de fora informações e notícias locais relevantes para a população.

Quem já realizou a troca do equipamento para a nova parabólica digital passa a contar com todos os canais nacionais e pelo menos 20 canais para a população paraense, como Globo Belém; Globo Nacional; Record News; Record Tv; Rede Brasil; Rede Tv; Rede Vida; SBT Belém; SBT Nacional; Tv Aparecida; Tv Câmara; Tv Canção Nova; Tv Cultura; Tv Novo Tempo; Tv Senado, entre outros e estações de rádio.

Confira a lista completa em: https://sigaantenado.com.br/canais/.

Cerca de 5,8 mil famílias de baixa renda da região metropolitana inscritas em programas sociais do Governo Federal e que têm parabólica tradicional instalada e funcionando, terão direito à instalação gratuita da nova parabólica digital. A substituição é feita pela Siga Antenado, entidade criada por determinação da Anatel, responsável por apoiar a população durante a migração do sinal de TV utilizado pelas parabólicas tradicionais (Banda C) para o sinal das parabólicas digitais (Banda Ku).

Serviço
Para verificar se tem direito ao kit gratuito, a população deve acessar o site sigaantenado.com.br ou ligar gratuitamente para 0800 729 2404 com o CPF ou NIS em mãos.

Belém e Ananindeua são as cidades com maior número de famílias que devem ser atendidas, com 3 mil e 984 kits previstos, respectivamente. Na sequência, estão Santa Izabel do Pará (817), Castanhal (355), Santa Bárbara do Pará (328), Marituba (214) e Benevides (107).

Sobre a Siga Antenado
Siga Antenado é o nome fantasia da EAF (Entidade Administradora da Faixa), criada por determinação da Anatel. É a entidade responsável por apoiar a população durante a migração do sinal de TV utilizado pelas parabólicas tradicionais (Banda C) para o sinal das parabólicas digitais (Banda Ku). A Siga Antenado é formada pelas operadoras Claro, TIM e Vivo, que foram as vencedoras dos blocos nacionais do leilão do 5G, com as licenças da faixa 3,5 GHz.

Mais informações
Natália Nascimento- (91) 98189-6162

Oficina Consultoria – Assessoria de Imprensa

Chris Nascimento – (21) 97935.0628 ou christina.nascimento@oficina.ci
Paula Gama – (71) 99410-6006

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.