Guarda Municipal de Parauapebas apreende adolescentes que planejavam suposto massacre em instituição escolar

0

Dois estudantes menores de idade, um de 13 e outro de 14 anos, foram apresentados na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil após terem sido pegos trocando mensagens sobre um suposto massacre em uma escola de ensino fundamental, em Parauapebas.

Segundo informações, durante a manhã desta quarta-feira, 04, uma guarnição da Ronda Escolar da Guarda Municipal de Parauapebas foi acionada para checar uma informação referente um suposto massacre que aconteceria na escola Eurides Santana, nas proximidades do complexo Polo Esportivo, no bairro Bela Vista.

Na ocasião uma guarnição do Grupo Tático Operacional (GTO) da Polícia Militar esteve no local, onde uma pessoa teria tirado uma foto da equipe policial e divulgado nos stories e grupos de whatsapp dos alunos. Durante a divulgação da foto um dos estudantes fez ameaças, “vou matar todo mundo hoje”, além do comentário o suposto aluno teria publicado a foto de uma arma de fogo, ao lado de duas facas e um facão.

Com intuito de descobrir a autoria do caso, uma guarnição da Guarda Municipal retornou ao local e soube através de um aluno a identificação dos suspeitos, os quais foram chamados na sala da direção e posteriormente encaminhados para a unidade policial para os procedimentos cabíveis.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.