A “casa caiu”: Polícia Civil de Parauapebas identifica responsáveis por ameaças de massacre em escolas

0

A Polícia Civil de Parauapebas já responsabilizou mais de 10 pessoas por estarem propagando ameaças de atentado às escolas. Por meio de investigação cibernética, a Polícia Civil já identificou inúmeras pessoas que estavam ameaçando cometer atentados contra escolas específicas no município. Porém, todas já foram identificadas e serão responsabilizadas, de acordo com o que for apurado. Mesmo que seja um menor de idade, esse, ainda assim, poderá responder conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente.

A polícia vem repreendo de forma rígida essas situações, sendo que o principal objetivo é evitar o “efeito contágio”, fenômeno que diz que o fato de publicar ou compartilhar notícias de massacres pode encorajar algum infrator a concretizar o ataque.

Segundo vem divulgando a Polícia Civil, todas as denúncias de atentados estão sendo investigadas, além do órgão atuar em conjunto com as demais forças de segurança pública. Todos os envolvidos irão responder por seus atos, podendo resultar em prisão ou medida socioeducativa de internação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.